Mãe de jovem morto ao cair em poço de elevador de silo diz que filho tinha medo do trabalho: ‘Falei para procurar outro serviço’

De acordo com o Corpo de Bombeiros, Leandro Santos Brito, de 21 anos, estava limpando o local, em Itapeva (SP), quando caiu.

Leandro Santos Brito, de 21 anos, morreu em Itapeva (SP) — Foto: Arquivo Pessoal

Leandro Santos Brito, de 21 anos, morreu em Itapeva (SP) — Foto: Arquivo Pessoal

O jovem de 21 anos que morreu após cair dentro do poço de um elevador de um silo no bairro da Caputera, em Itapeva (SP), tinha medo do trabalho, segundo a mãe dele, Eliana Santos. Silo é um depósito para armazenamento e conservação de cereais. A informação é do portal G1.

“Ele já tinha comentado comigo que tinha medo dessa parte do secador e falei para ele procurar outro serviço”, lembra a mãe do jovem.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, Leandro Santos Brito estava limpando o local na noite de segunda-feira (13) quando caiu. A suspeita é de que ele tenha sofrido um mal súbito.

O poço de um elevador possui uma estrutura que fica abaixo do solo e geralmente é o local em que ficam instalados os maquinários que fazem o elevador funcionar.

O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Itapetininga (SP). O silo fica dentro de uma empresa, que trabalha com armazenagem e transporte de cereais.

Jovem de 21 anos morreu após cair em poço de elevador de silo em Itapeva (SP) — Foto: Reprodução/TV TEM
Jovem de 21 anos morreu após cair em poço de elevador de silo em Itapeva (SP) — Foto: Reprodução/TV TEM