Sargento aposentado da PM é encontrado morto e amarrado em sítio

Corpo já estava em estado de decomposição, amordaçado e enrolado em uma capa de colchão; polícia investiga o caso. Propriedade era da vítima e fica em Garça (SP).

Idoso é encontrado morto e amarrado no sítio dele em Garça — Foto: Facebook/Reprodução

Idoso é encontrado morto e amarrado no sítio dele em Garça — Foto: Facebook/Reprodução

Um sargento reformado da Polícia Militar Ambiental, de 66 anos, foi encontrado morto e amarrado no sítio dele, na manhã de quarta-feira (4), próximo ao distrito de Jafa, em Garça (SP).

De acordo com o registro da Polícia Civil, os policiais receberam a informação de que um cadáver tinha sido encontrado em um sítio no Distrito Industrial I, onde o dono, Fabiano Tavares, estava desaparecido desde sexta-feira (29).

Quando os policiais chegaram no local, conversaram com o filho da vítima e o vizinho, que encontrou o corpo. A testemunha disse à polícia que saiu do sítio onde mora e atravessou a área de mato para ir até o sítio de Fabiano apagar as luzes, a pedido do filho do sargento.

Segundo a polícia, ele disse que, quando retornava, observou urubus rodeando uma área. Por isso, se aproximou e encontrou o corpo enrolado em um pano e coberto de moscas, e acionou a polícia.

Ainda segundo informações do boletim de ocorrência, o corpo de Fabiano estava há cerca de 100 metros da residência, em uma área de difícil acesso e já em estado avançado de decomposição.

Além disso, o idoso estava amordaçado e com as mãos amarradas para trás, vestia cueca e camisa branca, tinha um ferimento na testa e uma sacola plástica na cabeça.

O filho reconheceu o corpo do pai, que foi levado ao Instituto Médico Legal de Marília. Fabiano Tavares foi sepultado às 10h desta quinta-feira (5) no Cemitério da Saudade, em Marília.

A polícia realizou um exame pericial na residência e duas caixas de celular foram apreendidas. O caso foi registrado como homicídio qualificado, com emprego de meio cruel, e a Polícia Civil está à procura dos criminosos.