Jovem anuncia videogame em site de vendas e é morto a tiros quando vai entregar o produto

Criminosos anunciaram o assalto e também roubaram a moto da vítima. Crime aconteceu na noite desta segunda-feira (25), na Zona Oeste de Natal.

Eduardo Ribeiro, de 23 anos, foi morto com um tiro à queima roupa, na noite desta segunda-feira (25), na Zona Oeste de Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Eduardo Ribeiro, de 23 anos, foi morto com um tiro à queima roupa, na noite desta segunda-feira (25), na Zona Oeste de Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Um jovem de 23 anos foi assassinado na noite desta segunda-feira (25) ao ir a um encontro no bairro Planalto, Zona Oeste de Natal, para entregar um videogame que havia negociado em um aplicativo de vendas. Ao chegar no local combinado, dois criminosos anunciaram o assalto, a vítima reagiu e foi morta com um tiro à queima roupa.

De acordo com um Policial Militar, que não quis ser identificado, o crime deve ser investigado como latrocínio, já que os bandidos fizeram uma emboscada e moradores ouviram a abordagem. “Segundo a vizinhança, os meliantes pediram a bolsa e ele se negou a entregar. Nessa negativa de dar a bolsa eles atiraram”, relatou.

Uma moradora da rua onde o crime aconteceu, que não quis se identificar, relatou o que escutou na hora do crime. “Eu só ouvi uma pessoa pedindo a bolsa. Não deu para ouvir se era assalto. Só dava para ouvir se eles pediam a bolsa. E em seguida um barulho que parecia um tiro”, contou.

Eduardo Ribeiro morreu na hora. Os criminosos usaram uma arma de fabricação artesanal no crime. Além do videogame, eles roubaram a motocicleta da vítima mas deixaram para trás o capacete e o celular de Eduardo. No aparelho, foram encontradas mensagens da negociação do produto, que podem ajudar a polícia na investigação.

O Policial Militar alertou para a negociação de produtos pela internet, que virou prática comum. “Eu quero registrar aqui pras pessoas que gostam de fazer comercialização através de aplicativos na internet, para que tenham cuidado”, recomendou.