App que aceita pagamento de caronas com sexo é boato

A proposta fake era deixar às claras a prática e a intenção.

FOTO: GETTY IMAGES

FOTO: GETTY IMAGES

A expressão de deboche “só se eu pagar com meu corpo”, usada quando não se tem dinheiro suficiente para algo, nunca foi levada tão à sério.

Nas redes sociais começou a circular a informação que em 2020, chegaria ao Brasil um aplicativo de caronas em que o passageiro poderia pagar a viagem com sexo. A ideia parecia tirada de um roteiro de filme pornô.

A previsão fake era de que os brasileiros teriam acesso à novidade a partir do mês de fevereiro (alô, Carnaval!). O pagamento do aplicativo seria por meio de assinatura mensal, do passageiro e do motorista, que deveria custar em torno de R$15 a R$20.

Alertada pela equipe do site Boatos.org, a coluna reconhece que a informação é falsa.