Menino é encontrado morto com sinais de asfixia e abuso sexual dentro de casa, em Goiânia

Padrasto e mãe da criança foram detidos e levados para a delegacia para prestar esclarecimentos. Perícia também constatou marcas de agressão e mordidas no corpo da vítima, de 2 anos.

Polícia investiga morte de criança encontrada com sinais de asfixia e violência sexual — Foto: Reprodução/ TV Anhanguera

Polícia investiga morte de criança encontrada com sinais de asfixia e violência sexual — Foto: Reprodução/ TV Anhanguera

Um menino de 2 anos foi encontrado morto com sinais de asfixia e violência sexual dentro de casa, no Parque Eldorado Oeste, em Goiânia. O padrasto e a mãe da criança foram detidos e levados para a delegacia para prestar esclarecimentos.

Os bombeiros foram chamados pelo padrasto da criança, de 17 anos. Apesar de a equipe prestar socorro, o menino teve uma parada cardiorrespiratória e morreu. Devido aos hematomas que ele tinha pelo corpo, a equipe chamou a Polícia Militar.

O padrasto estava com a vítima e outra criança dentro de casa quando os militares chegaram. Ele negou ter cometido qualquer agressão contra o menino.

A mãe das crianças, que tem 21 anos, chegou à residência momentos depois. Os dois foram levados para a Central de Flagrantes para prestar esclarecimentos.

Segundo a Polícia Técnico-Científica, a causa da morte foi asfixia, mas também havia marcas de violência sexual, agressão e mordidas. Foram colhidas amostras de material genético para tentar identificar o autor do estupro.

Adolescente é levado para a delegacia após morte de menino de 2 anos, em Goiânia — Foto: Polícia Militar/Divulgação
Adolescente é levado para a delegacia após morte de menino de 2 anos, em Goiânia — Foto: Polícia Militar/Divulgação